Anúncios

Empréstimo para MEI: Qual o melhor banco para fazer empréstimo?

Anúncios

Mais e mais brasileiros estão optando por abrir seu próprio negócio, e isso está acontecendo não apenas por dinheiro, mas também por outros benefícios, como: autonomia, escolha do horário de trabalho e trabalhar com o que eles mais gostam. O MEI é uma alternativa para essas pessoas, um incentivo para iniciar o empreendedorismo da melhor maneira possível e deixar a informalidade. Além da formalização, uma das principais vantagens é que empréstimo para MEI podem ser contratados a diferentes taxas de juros, ainda mais agora que o momento não está fácil para ninguém.

Veja também:

Anúncios

Como funciona o Santander SuperCrédito

Como funciona o consórcio de imóveis?

Como faço para encerrar uma conta no Sicredi?

Como pagar contas online? Passo a passo

Empréstimo para MEI:Empréstimo para MEI

Anúncios

O empréstimo para MEI tem suas vantagens, mas só pode ser concedido para investimentos ou para pagar as dívidas da sua empresa, não por motivos pessoais. Para configurá-lo, o CNPJ (Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica) deve estar ativo.

Existem bancos que oferecem empréstimos específicos para todos os fins. Você pode solicitar para: comprar equipamentos, investir em melhorias, pagar dívidas corporativas ou por qualquer outro motivo. Portanto, antes do requisito, analise o cenário em que a empresa se encontra e elabore um plano.

É possível conceder um empréstimo para MEI se for negativo?

Sim, é possível! Existem empresas que oferecem opções seguras para empréstimos consignados. Se você possui um ativo significativo, pode usá-lo como garantia de pagamento. Se houver um padrão, o banco retém o ativo. Confira abaixo:

Empréstimos para funcionários públicos:

No empréstimo para funcionários negativos, o pagamento do empréstimo está diretamente vinculado à folha de pagamento.

Garantia do veículo:

Se o requerente tiver seu próprio veículo e o tiver pago, ele poderá usá-lo como garantia para seu empréstimo. No entanto, lembre-se de que o veículo não deve estar em nome de outra pessoa, possui restrições ao pagamento do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) e não pode ser vendido até que as parcelas de crédito tenham expirado.

Refinanciamento imobiliário:

Se o requerente precisar de um valor mais alto do empréstimo, existe a opção de usar a garantia de refinanciamento imobiliário, o que significa usar sua propriedade e os bens desembolsados ​​como garantia para seu empréstimo.

Onde posso solicitar meu empréstimo?

Veja quais instituições concedem empréstimos a microempreendedores individuais. No entanto, lembre-se de que as taxas e os valores concedidos variam de banco para banco.

Banco do Brasil:

Para obter esse empréstimo, você precisa visitar uma das agências do banco com os seguintes documentos:

  • Certificado Individual de Proprietário para Pequenas Empresas (CCMEI) e / ou Certificado Simplificado de Diretoria Comercial;
  • RG (carteira de identidade);
  • CPF (cadastro de pessoas físicas);
  • Comprovante de residência;
  • CNPJ.

Caixa de poupança federal:

Os valores dos empréstimos oferecidos pela Caixa variam entre R $ 300 e R $ 15.000. Para se inscrever, você deve primeiro se registrar no Portal do Empreendedor e, após preencher o formulário de inscrição para microempreendedores individuais, aparecer em uma das agências bancárias com os seguintes documentos:

  • Certificado Individual de Proprietário para Pequenas Empresas (CCMEI) e / ou Certificado Simplificado de Diretoria Comercial;
  • RG (carteira de identidade);
  • CPF (cadastro de pessoas físicas);
  • Comprovante de residência.

BNDES – Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social:

Para receber micro empréstimos, o solicitante deve ter vendas brutas de R $ 360.000 ou menos a cada ano. A taxa de juros é negociada entre o cliente e a operadora e não deve exceder 4% ao mês.

Você precisa dos seguintes documentos para fazer um pedido:

  • RG (carteira de identidade);
  • CPF (cadastro de pessoa física)
  • CNPJ
  • Comprovante de residência

Além desses documentos, o solicitante deve ter uma conta em um dos seguintes bancos: Caixa Econômica Federal, Itaú, Bradesco, SICOOB ou Banco do Brasil.

Bradesco:

Para solicitar um empréstimo junto ao Bradesco, você deve primeiro preencher os detalhes do formulário Microcrédito Produtivo Orientado. Em seguida, vá ao escritório do Bradesco com os seguintes documentos:

  • RG (carteira de identidade
  • CPF (cadastro de pessoa física)
  • Comprovante de residência do microempresário
  • CNPJ

O empréstimo para MEI pode ajudá-lo a expandir seus negócios e aumentar sua lucratividade.

Anúncios

Deixe um comentário